Total de visualizações de página

quarta-feira, 10 de março de 2010

Sementes Para Um Futuro Abençoado

Deus tem sido GRANDEMENTE generoso com as inúmeras oportunidades que me tem dado. Este mês, por exemplo, este Blog completa um ano de existência com mais de 240 acessos... Se eu fosse escrever sobre as "portas" que Ele me abriu nesses últimos doze meses, creio que mesmo um artigo de 1.200 linhas não seria suficiente... Recentemente, ou pra ser mais exato, sábado passado, Ele me deu mais uma grande e excelente oportunidade: pregar num aniversário de 15 anos em Campo Grande, bairro carioca apelidado de Big Field, mas que eu prefiro chamar de "Terra que Mana Leite e Mel", pois dele veio a minha amada esposa... Como texto para este mês então, deixo "mais ou menos" o que o Senhor me deu para esta ocasião (mais ou menos porque enquanto escrevia neste Blog, outras idéias me vieram à mente):
Quando eu tinha mais ou menos esta idade (15 anos), refletindo na grande verdade expressa no versículo que diz: "... o que o homem semear, isso também ceifará." - Gálatas 6:7, a pergunta que eu fazia era: Quais as sementes que eu posso plantar/semear HOJE para ter um futuro abençoado... Um futuro com boas colheitas?
Nos capítulos 11 e 12 do livro de Eclesiastes, podemos verificar algumas sementes capazes de nos proporcionar um futuro abençoado.
A primeira delas é a SEMENTE DA GENEROSIDADE. Em Eclesiastes 11:2 lemos: "Reparta o que você tem com sete, até mesmo com oito, pois você não sabe que desgraça poderá cair sobre a terra" (NVI).
Num mundo dominado pela cultura da Lei de Gérson, onde as pessoas querem sempre "levar vantagem em tudo", aproveitando de todas as situações em benefício próprio, sem se importar com questões éticas e morais, ou com o direito do próximo, Deus na sua Palavra nos ensina a "repartir" o que temos com sete, e até mesmo com oito (obs: números simbólicos), o que verdadeiramente é andar na contramão da cultura popular.
Com base no excelente trabalho de Abraham Maslow sobre as necessidades do ser humano, encontramos entre outras necessidades (ex: Fisiologia, Segurança, Estima e Realização Pessoal), Amor/Relacionamento. Verdadeiramente o ser humano não nasceu para viver sozinho, prova disse é o fato de pessoas adoecerem em razão de solidão... No filme Naufrago, por exemplo, o personagem interpretado por Tom Hanks, ao encontrar uma bola de vôlei, desenhou um rosto e passou a manter diálogo com a mesma, a qual personificou como o amigo Wilson... O personagem de Hanks fez da bola um companheiro para amenizar sua solidão, e consequentemente, não enlouquecer naquela ilha deserta.
Enquanto o egoísmo é um dos principais agentes para destruir e impedir bons relacionamentos, a generosidade é a melhor "semente" para construirmos sólidas amizades. Qualquer um pode observar na prática que as pessoas que vivem cercadas de amigos são as generosas, enquanto as mais solitárias são as que vivem exigindo que os outros vivam em função de si e de seus interesses. De fato ninguém suporta conviver com pessoas egoístas! Uma vez que ninguém pode ser feliz sem a presença de amigos, vale à pena sermos generosos com todos que o Senhor coloca em nosso caminho, pois através deste gesto podemos construir amizades que nem o tempo e nem outras circunstâncias poderão extinguir... Meus amigos são, com certeza, um dos grandes presentes que o Senhor me tem dado, já fui muito abençoado por eles e desejo viver para abençoá-los também.
A pergunta que não quer calar é: Como você tem utilizado as benção que o Senhor lhe tem dado? Tens usado-as para abençoar vidas ou somente para o seu próprio proveito?
A Bíblia ensina que somos abençoados para abençoar, fato que ilustro através de algo que li sobre o Mar Morto na Internet... "O mar Morto é um imenso volume de água localizado nas terras desertas de Israel. Ele tem quase 80 km de comprimento, cerca de 16 km de largura e quase 400 metros de profundidade. É alimentado pelo rio Jordão, que o abastece com cerca de 23 milhões de litros de água por dia. Apesar desse enorme volume de água que recebe, o mar Morto é... morto! Ele é inútil e sem vida porque não tem como dar vazão às suas águas.
Como é bom ter um coração generoso e agradecido! Assim como a água, o dinheiro e os bens materiais não têm muita utilidade quando ficam parados, quando não extravasam, quando não abençoam outras pessoas, quando deixam de circular." [1]
A segunda semente é a SEMENTE DA PERSEVERANÇA. Em Eclesiastes 11:6 lemos: "Plante de manhã a sua semente, e mesmo ao entardecer não deixe as suas mãos ficarem à toa, pois você não sabe o que acontecerá, se esta ou aquela produzirá, ou se as duas serão igualmente boas" (NVI). Numa versão mais antiga lemos: "...a tarde não retires a mão..." (ARC)
Há pessoas que desistem MUITO rápido dos sonhos e projetos, iniciam com empolgação, mas na primeira adversidade desistem, ou seja, "retiram a mão". Quando penso em exemplos de perseverança, as duas pessoas me vêm à mente são um médico missionário que venceu as dificuldades para ingressar na faculdade de medicina e uma irmã que congregou comigo numa ex-igreja e passou no concurso para juíza... O primeiro chegou a tentar o vestibular seis ou sete vezes, sem desistir do sonho de ser médico. Numa igreja de um amigo, igreja de comunidade, ele contou que também havia morado numa comunidade (Mangueira) e que foi com grande sacrifício que seu pai pagou seus cursinhos preparatórios (Pré-Vestibular)... Como era muito concorrido esse curso nas universidades públicas, e acho que até hoje é, ele insistiu até conseguir... Hoje ele é missionário num país africano junto com sua esposa, que também utiliza sua profissão (dentista) para ganhar vidas para Jesus naquele país. O outro exemplo, a irmã que conheci numa ex-igreja, mesmo trabalhando "fora" (funcionária do Tribunal de Justiça) e conciliando outros papéis (ex: mãe de três filhos, esposa, e na igreja: professora de EBD e secretária), ela encontrou tempo e disposição para estudar para o concurso da magistratura, pois como bacharel em Direito poderia tentar ser juíza... Lembro quando me disse que apesar de ter estudado MUITO para o primeiro concurso, ficou reprovada na prova oral (obs: exame super stressante por ser realizado diante de juízes, semelhante ao exame de ordenação pastoral com pessoas avaliando as respostas). O que ela fez diante desse primeiro obstáculo, desistiu? Não, ela tentou novamente... Estudou mais ainda, se preparou mais do que na primeira vez, e na segunda tentativa conseguiu ser aprovada... Hoje ela é juíza de direito!
Como é importante a existência de servos de Deus nesta área também, não é? Tenho certeza que ela, assim como o médico citado acima, tem sido uma missionária no Tribunal onde atua.
Outra coisa que ocorre é que alguns esperam que Deus faça tudo, tanto o que compete a Ele (Deus) quanto o que compete a nós... Quando eu era pastor numa congregação localizada numa área carente da cidade (Rio), congregação com alto índice de irmãos desempregados; presenciei fatos assim: alguém chegava pra mim e dizia: "- Pastor, ore por mim pois preciso de um emprego"... No entanto, alguns deles, ao invés olharem o jornal, selecionarem vagas e saírem em campo entregando curriculum, ficavam em casa dormindo até tarde. Quando Jesus ia ressuscitar Lázaro, o que Ele disse as pessoas? (João 11:39). Se a Ele competia "o ressuscitar Lázaro", aos homens competia "o rolar a pedra".
A vida é repleta de desafios, nada aqui é fácil!!!. A cada conquista nos importa vencer desafios, e desafios dos mais diversos... Até mesmo os israelitas dos dias de Josué e Calebe, que como lemos em Números 13, contemplaram as maravilhas da terra que Deus os havia prometido, a Terra de Canaã, mas observaram também a presença de gigantes a serem vencidos. Conheço duas pessoas que tiveram no passado a mesma oportunidade, entretanto tomaram atitudes diferentes. Uma soube aproveitar e até hoje trabalha num órgão público do Estado (RJ), e a outra deixou escapar, não quis... A quem diga que foi pelo desafio de ter que acordar muito cedo, pegar ônibus lotado, etc. HOJE como fruto da má escolha vive com problemas financeiros e instabilidade profissional... O versículo 4 de Ec 11 trata dessa questão: "Quem fica observando o vento não plantará, e quem fica olhando para as nuvens não colherá." A vida passa muito rápido, por isso não é legal o "ficar à toa na vida vendo a banda passar". Temos que semear com perseverança o nosso futuro!
A terceira e última semente, por sinal a mais importante, é a SEMENTE DO TEMOR A DEUS. Em Eclesiastes 12:1 lemos: "Lembre-se do seu Criador nos dias da sua juventude, antes que venham os dias difíceis e se aproximem os anos em que você dirá: 'Não tenho satisfação neles'" (NVI). Ao saltarmos para o versículo 13 deste mesmo capítulo observamos que esse "lembrar-se do Criador" está relacionado ao temor a Deus, exemplo: "Agora que já se ouviu tudo... a conclusão: Tema a Deus... porque isso é o essencial".
Quando a Bíblia diz que o temor a Deus é o princípio da sabedoria (Salmo 111:10 e Provérbios 9:10), concluímos que a maior estultícia do homem é justamente não reverenciá-lO... Em contrapartida, se fossemos descrever todos os frutos que colhemos com o temor a Ele este texto ficaria muito extenso, por isso mencionarei apenas alguns.
O temor do Senhor nos conduz a uma vida de santidade.
A Bíblia é bem enfática ao dizer que sem a santificação NINGUÉM verá a Deus (Hebreus 12:14). Santificação, que é o ato ou efeito de santificar-se, ocorre quando a pessoa, lembrando que Deus é santo, evita toda a forma de pecado para se tornar semelhante a Ele (1 Pedro 1:15). O pecado nos separa de Deus (Isaías 59:2), e considerando que sem Deus ninguém pode ser feliz, uma vida sem santidade não pode ser uma vida feliz.
Quantos problemas poderiam ser evitados se a pessoa, temendo a Deus, buscasse a santidade? Muitos, infelizmente, estão colhendo hoje os frutos amargos de erros/pecados cometidos no passado. Se podemos evitar consequências ruins no futuro, porque não levar HOJE esse princípio a sério?
O temor do Senhor nos faz refletir quanto a Sua vontade (a vontade de Deus).
A Bíblia nos ensina que Deus é um Deus pessoal, e como um ser pessoal, possui vontade própria... Uma vez que a vontade de Deus é boa, agradável e perfeita, conforme aprendemos em Romanos 12:2, por que não buscá-la? Um dia refleti muito sobre qual seria a vontade do Senhor para a minha vida, a qual Ele me revelou progressivamente, ex: 1º ir para o Seminário; depois, ser consagrado pastor... Aprendi que na vida, em todo tempo, devemos buscar conhecer a vontade dEle para nós (Efésios 5:17)... Eu não conheço TODOS os planos que Deus tem para a minha vida ainda, por isso o que faço é continuar buscando. Vale lembrar que há coisas que Deus revelou de forma geral na sua Palavra, o que é chamado de A Vontade Geral de Deus ao homem. No entanto, Ele também possui uma vontade individual a cada um de nós, que tem a ver com seus planos para a nossa vida, essa é a vontade que eu me refiro linhas acima e que tem a ver com: "e Ele mesmo deu uns para apóstolos, e outros para profetas, e outros para evangelistas, e outros para pastores e doutores" - Efésios 4:11. Qual a vontade do Senhor para a sua vida? Se ainda não sabes, busque em oração saber!
O temor do Senhor nos ajuda a tomar decisões sábias.
Quantas decisões e escolhas são tomadas sem a orientação de Deus, gerando como consequência tristeza e arrependimento no futuro. Quando a pessoa teme a Deus, em tudo ele O considera; principalmente nas suas mais importantes decisões da vida. A Bíblia é repleta de passagens que ensinam que Deus orienta o servo temente a Ele, uma delas é o Salmo 25:12 "Qual é o homem que teme ao SENHOR? Ele o ensinará no caminho que deve escolher" (ARC). Deus se preocupa com a nossa felicidade, e sendo quem mais nos conhece, até mais do que nós mesmo, pode nos orientar a escolher sabiamente... Ele não escolhe e decide por nós, mas nos ajuda a entender qual das escolhas é a melhor. Quando nos sentirmos como numa estrada com duas opções a seguir, sem saber se a direita ou a esquerda é a melhor opção, nesses momentos o temor a Deus pode nos ajudar a reconhecer o melhor caminho, pois nos leva a lembrar dEle, e consequentemente, que Ele nos responde nessas questões também. Se você passa por um momento assim na sua vida, busque em Deus a direção!
Concluindo minha palavra, desejo que Deus abençoe GRANDEMENTE sua vida!!! Que você cultive uma vida de temor ao Senhor... Perseverando nos seus sonhos e projetos pessoais, mas sempre dentro da vontade de Deus... Cultivando também uma vida generosa, abençoando outras pessoas com as bênçãos que o Senhor já lhe tem dado e que lhe dará ainda.
[1] ttp://www.pibrecreio.org.br/2_ministerios_2008/mulheres/2_conteudo_mulheres/artigo_21_mulheres.html

Nenhum comentário: